sábado, 22 de agosto de 2015

BIOMASSA DE BANANA VERDE: BENEFÍCIOS E RECEITA

              Oi, gente! Como eu disse anteriormente, hoje tem post extra! Falarei sobre a biomassa de banana verde e mostrarei como fazer.

              Hoje em dia as pessoas têm se preocupado mais com uma alimentação saudável e mais natural. E lendo sobre o assunto provavelmente você já deve ter esbarrado com a biomassa de banana verde. A quem nunca experimentou, deve causar certo estranhamento, pois consumir banana verde é praticamente impossível devido à sua textura adstringente que “trava” a boca. Mas com o cozimento isso não acontece e a biomassa fica perfeita pra usar nas mais diversas refeições.


               A polpa da banana enquanto verde é formada basicamente de amidos resistentes, ou seja, não são digeridos no estômago nem absorvidos pelo organismo, assim, não elevam em nada a glicose e insulina no sangue, como os carboidratos que consumimos mais comumente. Além do mais os amidos resistentes, funcionam como fibras, promovendo a saciedade e sendo digeridos seletivamente apenas pelas bactérias boas da nossa flora intestinal, o que contribui para um melhor funcionamento do intestino, prevenindo processos inflamatórios e obesogênicos, além de prevenir o câncer do cólon.
              Melhorando o funcionamento intestinal, a biomassa reduz a absorção de açúcares e gorduras pelo organismo, sendo ótima aliada a quem tem restrições alimentares.
              É rica em minerais essenciais, como fósforo, sódio, magnésio e potássio, além das vitaminas A, B1 e B2.

              Pode substituir creme de leite, leite condensado e maionese nas receitas veganas, pois age como um espessante. Não tem sabor marcante, então pode ser usada tanto em receitas doces como salgadas, como sucos, vitaminas, strogonoffs, maionese de biomassa, recheios de tortas, cremes de legumes, molhos, massas de bolos e pães, brigadeiro, pudins, mousses, sorvetes etc.
              Então vamos à receita?

              INGREDIENTES:

              Bananas bem verdes (a mais comum pra usar na biomassa é a nanica) de preferência orgânicas.
              Água o bastante pra cobrir as bananas na panela.

              PREPARO:

              Coloque pra ferver em uma panela de pressão, água o suficiente pra cobrir as bananas. Enquanto isso, destaque as bananas da penca, e corte os cabinhos com cuidado, de forma que não apareça a polpa. Lave bem as bananas com uma esponja. Quando a água ferver, coloque as bananas inteiras na panela e tampe. Quando começar a chiar, conte cerca de 8 a 10 minutos. Desligue o fogo e deixe a pressão sair naturalmente pra abrir a panela. As bananas deverão ficar cozinhando num total de aproximadamente 20 minutos.
              Abra a casca das bananas e retire a poupa. Coloque em um liquidificador ainda quente (tem que estar quente, pois se esfriar, a banana vai começar a esfarelar). 
Caso necessário, acrescente um pouco de água filtrada, apenas o bastante pra ajudar a bater, pois a massa fica um pouco pesada. Bata até ficar um creme liso e coloque em potes. Fiz com 12 bananas prata e rendeu esse pote cheio do gif (o pote tem cerca de 600ml de volume).
Textura da biomassa
              Dura 3 dias na geladeira e cerca de 3 meses no congelador. Pra descongelar, coloque em uma panela em fogo baixo com um pouco de água pra dissolver.

              E então, gente, o que acharam? Já fizeram receitas veganas gostosas com a biomassa? Me contem aí nos comentários! Eu já fiz um brigadeiro e ficou delicioso! Muito melhor do que o brigadeiro feito com leite condensado de soja. Confiram a receita lá no blog Gastrour, do qual faço parte! :)

              Espero que tenham curtido o post! Compartilhem pra galera conhecer esse alimento tão simples, barato e saudável!

              Até a próxima! 

2 comentários:

  1. Nossa, que negócio diferente! Fiquei curiosa pq vc citou que dá pra substituir leite condensado e maionese nas receitas. Será que é menos engordativo que esses ingredientes? Se for, vou tentar fazer kkkk. Excelente post Riane, Bjos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza, Cecília! A biomassa é perfeita pra quem quer algo mais light pois seus carboidratos não são absorvidos pelo organismo, além de servir de alimento pra flora boa do intestino, diminuindo assim a absorção de açúcares e gorduras! :D
      Brigada, linda! Bjokas

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...